Yoga para os olhos

yog p olhos

Musculação para os olhos, isto é, exercícios que fortalecem a visão, ensinando os músculos dos olhos a ajustarem o foco, tanto de perto, quanto de longe, e, assim, recuperarem a boa forma, com clareza e nitidez!”

O famoso músico britânico Sir Paul McCartney, que completou este ano 70 anos de idade, fez questão de nos mostrar num video para o Youtube como pratica a sua rotina diária de yoga para os olhos.

E a conclusão dos pesquisadores foi que isso está acontecendo porque as crianças praticamente não brincam mais, só ficam no esquema de computadores e vendo televisão. E afirmaram que esses sintomas infantis poderão se tornar doenças já na fase de adolescência dessas crianças.

Yoga e o Surf

yogaesurf2_f_improf_345x259

Surf e yoga são disciplinas completamente diferentes,pelo menos á priori assim se afiguram.No entanto uma visão mais aprofundada mostra-nos que as difrenças não são assim tantas, podendo eventualmente serem modos de vida que se complementam.Ambos integram o praticante na natureza.

Exemplos práticos: quando o surfista está remando para trás das ondas, ele utiliza-se de seus ombro e costas; o quadril faz manobras quando está de pé; ele precisa manter seu controle mental e respiratório quando necessita voltar à superfície. Dai a Yoga irá ajudar o praticar a ter a flexibilidade necessária dos quadris, a descontrair os ombros e costas (reduzindo tensões e evitando lesões) e ao controle emocional que ajuda a reduzir os batimentos cardíacos.

A presença que você desenvolve em uma prática de Yoga serve aos surfistas também nos momentos de tédio, já que normalmente a maioria do tempo no surf é de espera e de remadas, mais do que surfando de fato. A técnica yóguica de observar a respiração pode transformar longas calmarias entre as séries das ondas em uma meditação focada. E o simples ato de estar com sensações desafiadoras física ou mentalmente durante a prática de posturas pode treiná-lo a repelir a frustração de surfar em mares cheios de surfistas.

Surfando, se aprende que até as ondas mais imperfeitas são compostas da mesma substância, a mesma água salgada linda que forma as ondas perfeitas, e ambas podem ser experimentadas em sua totalidade. Surf, como Yoga, é um encontro desafiador e válido dia após dia, não importam as condições.

Veja também: Yoga para bebês

meditação é benéfica – cientificamente comprovado

Estudos sérios estão afastando as dúvidas que costumavam pairar sobre a prática e mostram que ela é extremamente eficaz no tratamento do stress e da insônia, pode diminuir o risco de sofrer ataque cardíaco e até melhorar a reação do organismo aos tratamentos contra o câncer

Image

A receita para lidar com dezenas de problemas de saúde é fechar os olhos, parar de pensar em si e se concentrar exclusivamente no presente. A ciência está descobrindo que os benefícios da meditação são muitos, e vão além do simples relaxamento. “As grandes religiões orientais já sabem disso há 2.500 anos. Mas só recentemente a medicina ocidental começou a se dedicar a entender o impacto que meditar provoca em todo o organismo. E os resultados são impressionantes”.

Não se trata de encarar a meditação como uma panaceia universal, os estudos mostram também que ela tem aplicações bem específicas. Mas, ao contrário de outras terapias alternativas que carecem de comprovação científica, a meditação ganha cada vez mais respaldo de pesquisas realizadas por grandes instituições.

Yoga para perda de peso

Essa é uma pergunta freqüente e a resposta é : depende. Se o indivíduo teve aumento de peso causado por ansiedade ou algum desequilíbrio glandular o yôga pode ajudar. Através dos pranayamas (exercícios respiratórios) haverá um aumento de prana (energia vital) e isso trará uma sensação de bem-estar além de reduzir a ansiedade levando ao auto controle necessário para evitar hábitos que agravam a obesidade.
Os asanas (posturas) também ajudam pois equilibram as glândulas endócrinas. Segundo estudos realizados no Instituto de Yoga de Lonavla, com sede na Índia, determinados ásanas atuam em sistemas importantes do corpo, como o neuroendócrino e o neurovegetativo, promovendo equilíbrio global. O primeiro regula a hipófise – glândula que rege o metabolismo – e equilibram a secreção de hormônios. O segundo age sobre o sistema nervoso. Esse trabalho conjunto acelera a digestão e reduz a absorção de carboidratos facilitando a perda de peso. Alguns asanas também atuam na tiroide, glândula de vital importância para todo o corpo. Quando essa glândula fabrica pouca tiroxina causa o hipotiroidismo que, entre outros problemas, pode trazer aumento de peso.
É importante lembrar que a obesidade é um desequilíbrio que se manifesta fisicamente, mas tem raízes na mente e nas emoções. Embora o yôga não possa ser considerado um exercício aeróbico, essa pratica traz vantagens únicas e profundas que vão muito além do físico. Logo, o yôga pode ser um grande aliado na luta contra o peso juntamente com uma dieta adequada e outros exercícios.

Yoga para perda de peso

 Quer praticar o r Yoga? Fica atenta aos benefícios que ele traz:

– Fortalecimento corporal e tonificação muscular;

– Alongamento muscular;

– Desenvolvimento e agilidade nos movimentos;

– Melhoria da capacidade pulmonar;

– Regulariza o sistema endócrino;

– Alinhamento postural;

– Melhoria da circulação sanguínea;

– Aumento da resistência física e equilíbrio;

– Melhoria da consciência corporal;

– Redução do stress;

– Proporciona relaxamento e tranquilidade;

Na prática doYoga perde – se em média 1.000 calorias em uma hora de exercícios (tudo de bom, além de proporcionar relaxamento e tranquilidade ainda queima calorias? ADOROOO!). Muitos artistas já são adeptos ao Power Yoga.

Queimar quilinhos e ainda se desintoxicar dos males e estresses que rolam geralmente no cotidiano corrido da mulher brasileira (que não pode parar um minuto) é uma delícia baby! Vale a pena conferir.

Yoga: caminho para relaxamento

Yoga(1)

Técnicas para prevenir ansiedade e inquietação, e tornar qualquer passeio mais relaxado. Estabelecer um ritmo é fácil em casa, onde você controla seus horários e pode acertar uma rotina confortável.

Com a evolução da humanidade, a vida tornou-se mais e mais difícil. Nos sentimos sempre mais e mais inseguros até mesmo em relação ao suprimento de nossas necessidades básicas. Concorrência, disputa e medo ficam gravados nas nossas células e nos tornamos mais e mais agitados com o passar dos dias. A famosa memória, então, vai se fortalecendo, ficando mais arraigada no nosso cerne e o desejo de corrermos ainda mais vai aumentando com o passar do tempo. E entramos no vício do estresse, no vício da correria, no vício da agitação. Sim, infelizmente é como droga, dependemos disso sem ao menos nos darmos conta. É como se fosse adrenalina no sangue. Este é o momento em Yoga você relaxa.

Desapegue dos resultados É natural abrigar sonhos de perfeição quando viaja, porque você investiu tempo, dinheiro e esforço. Mas quando um contratempo inevitável ocorre – como perder um voo, ficar doente ou ficar sem reserva de hotel – a filosofia do Yoga pode ajudar.

Modifique sua rotina habitual de Yoga Você talvez não tenha tempo, espaço, ou energia para sua prática de Yoga completa, mas fazer alguma forma dela vai fazer você se sentir melhor. Tente meditar por alguns minutos e pratique muitas posturas. Como a professora Kathy Sprague nos lembra: enraizando os pés, você automaticamente se sentirá estável.

Consejos para la práctica del yoga

Consejos para la práctica del yoga

É melhor estar de estômago vazio para fazer aula. Refeições completas podem ser feitas 2 horas antes da pratica e refeições leves uma hora antes. Meia hora antes da aula tome um copo de suco e uma fruta, ; Não faça exercícios físicos vigorosos logo após sua prática de Yoga. Como as posturas de yoga tonificam os órgãos e tecidos internos, uma maior proporção de sangue é levada para o interior do corpo. Diferente dos exercícios vigorosos que levam o sangue para as extremidades; Recomendados que cada aluno tenha seu próprio tapetinho de prática, yogamat, para conservação de sua energia e higiene; Faça aula com roupas leves e folgadas, inclusive as roupas íntimas. Roupas apertadas restringem o fluxo de prana (energia vital) no corpo; Antes de começar a aula, retire os óculos, relógio e todo tipo de objetos que possam atrapalhar a sua prática. Desligue o celular! Durante sua prática tente se aquietar e esquecer de todos outros assuntos. A concentração é fundamental para prática da Yoga. Concentre se na respiração, feche os olhos e sinta o trabalho interior das posturas em todo seu ser. A flexibilidade é apenas um dos fatores, e surge naturalmente com o tempo. As posições devem ser praticadas até o limite normal de flexibilidade de cada um. As posturas naturalmente contraem e distendem os músculos, mas elas não devem ser praticadas com esforço ou de modo que causem qualquer tipo de cansaço. Você terá maior progresso físico através do relaxamento, da tranqüilidade e da concentração. Se você sentir dor aguda em qualquer parte do corpo ou cansaço durante a prática de ásanas, desfaça a postura com calma e relaxe deitado com as costas no chão. Sempre relate ao professor qualquer dificuldade ou problema especial. Se você sentir qualquer tipo de mal estar durante sua prática como tontura, ânsia, vontade chorar, tosse, cocheiras ou qualquer sintoma de inquietação apenas sente se e tente relaxar ou deite-se até que o professor venha te atender. A prática de yoga atua nos níveis físico, emocional e espiritual desbloqueando energias e restaurando a harmonia natural dos corpos. As mulheres durante o período menstrual podem praticar as posturas preparatórias, evitando principalmente manter as posturas invertidas sobre a cabeça e sobre os ombros neste período. Evite faltar às aulas, se for preciso então tente repor. A regularidade é um dos fatores mais importantes para aquisição dos benefícios. Desenvolva gradualmente um estilo de vida mais saudável que inclua bons hábitos de alimentação e uma vida simples (com menos stress e preocupações) encontrando formas de manter atitudes positivas e uma mente elevada.